Sindiposto | Notícias

Os contratos futuros de petróleo fecharam a sexta-feira, 7, próximos da estabilidade, mas em queda, com impulso limitado após ganhos recentes. Além disso, o dólar forte continha a commodity, com a moeda dos Estados Unidos impulsionada depois do relatório mensal de empregos (payroll) de maio do país, que trouxe pela manhã números acima do esperado na geração de empregos e nos ganhos salariais. Além disso, dados da balança comercial da China estiveram sob análise.

O WTI para julho fechou em baixa de 0,03% (US$ 0,02), a US$ 75,53 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex), e o Brent para agosto recuou 0,31% (US$ 0,25), a US$ 79,62 o barril, na Intercontinental Exchange (ICE). Na comparação semanal, o WTI caiu 1,90% e o Brent teve queda de 1,84%.

O petróleo oscilou perto da estabilidade desde a madrugada, depois de ganhos fortes nas duas sessões anteriores. Na agenda da Ásia, as exportações da China tiveram alta de 7,6% em maio, na comparação anual, acima da alta de 5,3% prevista pelos analistas ouvidos pela FactSet. As importações cresceram 1,8%, quando se esperava alta de 4,7%.

O ANZ destacou o fato, na balança comercial chinesa, de que as importações de petróleo do país recuaram 9%, na comparação anual. Os volumes comprados, porém, foram maiores que no mês anterior, comparava o banco.

(Estadão Conteúdo)

Fonte/Veículo: InfoMoney

Leia também:

article

Testar biodiesel puro ou o aumento da mistura? Para as montadoras, os dois

As experiências que algumas empresas brasileiras vêm fazendo, de utilizar biodiesel puro (B100) e [...]

article

ANTT atualiza tabelas dos pisos mínimos de frete

Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) publicou, no Diário Oficial da União da última [...]

article

Novas obrigações da ANP para os agentes econômicos que comercializam óleo diesel

A ANP publicou em 02/05/2024 a Resolução 968 que entrará em vigor em 31/07/2024 e traz novas espe [...]

Como posso te ajudar?