Petrobras reduz preços do GLP para uso industrial e comercial

20/01/2018

Um dia após ter anunciado a redução, a partir desta sexta-feira, de 5% nos preços do GLP residencial, o gás de botijão vendido em botijões de 13 quilos, a Petrobras anunciou que também vai reduzir os preços do GLP para uso industrial e comercial. A estatal informou que vai reduzir em 6,3% em média, a partir de sábado (20).

De acordo com a Petrobras, a redução foi necessária devido à queda das cotações internacionais do produto, uma vez que a demanda ao longo do inverno europeu tem sido menor que a esperada pelo mercado.

A decisão ocorre também um dia depois de o sindigás, que reúne as distribuidoras de GLP, ter criticado o fato de a Petrobras não ter uma política de preços para o GLP industrial, assim como acontece com o GLP para uso residencial, cuja nova política anunciada na última quinta-feira prvê reajustes trimestrais. Segundo o Sindigás, além de o GLP industrial estar cerca de 50% mais caro do que o de uso residencial, o produto estava 28% mais caro do que as cotações internacionais.

O consumo total de GLP no país é da ordem de 7.4 milhões de toneladas anuais . Do mercado total, cerca de 29% se destinam ao consumo industrial e comercial vendido em vasilhames de 20, 45 e 90 quilos, ou a granel em instalações existentes nos locais, como condomínios, empresas e shoppings, entre outros.

Ramona Ordoñez

Fonte: O Globo