Itaipu vai inaugurar centro de inovação em mobilidade elétrica

15/01/2018

A Itaipu Binacional inaugura na terça-feira (16), dentro da área brasileira da usina em Foz do Iguaçú (PR), seu novo Centro de Inovação em Mobilidade Elétrica Sustentável (CI-MES), em frente ao Centro de Pesquisa, Desenvolvimento e Montagem de Veículos Elétricos (CPDM-VE), que funciona ali desde 2006. A nova estrutura do CI-MES tem mais de 3 mil metros quadrados de área construída e conta com laboratórios, oficinas, ferramentaria e showroom.

A iniciativa faz parte de um acordo de cooperação técnica que será assinado no mesmo dia entre a Itaipu e o Ministério das Minas e Energia (MME), que tem o objetivo de implantar o Programa de Mobilidade Sustentável em diversos ministérios do governo federal que tenham ações relacionadas com o tema. Sob a coordenação do MME e suporte técnico da Itaipu, o programa está sendo desenhado para atender o compromisso assumido pelo Brasil na 21ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças do Clima (COP-21), de reduzir as emissões de CO2 em 37% até 2025 e em 43% até 2030.

Entre as iniciativas previstas pelo programa está a realização de estudos baseados em implantação de projetos pilotos de interesse comum, com foco em energia e mobilidade sustentável. O primeiro projeto, com o auxílio técnico da Itaipu, irá monitorar a utilização de veículos elétricos e o abastecimento nos eletropostos, contabilizando em tempo real as emissões de CO2 evitadas. Também vai analisar os possíveis impactos na rede elétrica e testar a integração do veículo elétrico em redes inteligentes e sistemas de armazenamento de energia.

Outro objetivo é identificar novos modelos de negócio para o setor elétrico, vinculados ao tema, e estudar mecanismos técnicos, econômicos e financeiros para viabilizar o incremento do projeto piloto em escala nacional. Este projeto será realizado na área geográfica da Esplanada dos Ministérios, em Brasília, com possível expansão para outras localidades do Brasil. Os dados e resultados da experiência serão compartilhados entre a Itaipu e o MME.

A Itaipu foi escolhida pelo MME devido à experiência da empresa com o Programa Veículo Elétrica, que desde 2006 desenvolve pesquisas para a nacionalização de produtos e componentes, desenvolvimento de baterias, sistemas de gestão de mobilidade inteligente e sistemas de armazenamento de energia, assim como experiências na adoção de soluções de infraestrutura para abastecimento de veículos elétricos. Por meio de acordos de cooperação com diversas empresas, já foram montados dentro da usina mais de 100 veículos elétricos de uso individual, passeio, offroad 4×4, caminhão, ônibus de vários tipos e até um avião elétrico tripulado. “Por tudo isso, Itaipu detém as competências necessárias para dar suporte à implantação do Programa de Mobilidade Sustentável pelo MME”, diz o coordenador do Programa de Mobilidade Elétrica de Itaipu, Celso Novais.

Fonte: Automotive Business