Checagem de dados atrasa pagamentos de subsídios ao diesel, diz ANP

14/08/2018

A Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) ainda não aprovou novos pagamentos referentes ao programa de subsídio ao diesel, além dos já anunciados anteriormente, em meio a dificuldades relacionadas à checagem de dados, afirmou nesta segunda-feira o diretor-geral da autarquia, Décio Oddone, durante evento no Rio de Janeiro.

Até o momento, a agência aprovou apenas o pagamento de duas empresas, referente à primeira fase do programa, de 30 de maio a 7 de junho.

Habilitaram-se para essa primeira fase sete companhias, incluindo a Petrobras.

Mas a ANP apenas pagou a Refinaria de Petróleo Riograndense, com 114,9 mil reais a receber.

A Dax Oil teve documentos aprovados, mas posteriormente detectou-se um problema de cadastro, e a empresa também aguarda para receber pouco mais de 6 mil reais, segundo a ANP.

Fonte: Reuters