Responsável pela área de petróleo será secretário-executivo de Minas e Energia

10/04/2018

O novo ministro de Minas e Energia, Moreira Franco, escolheu o atual secretário de Petróleo e Gás da pasta, Márcio Félix, como secretário-executivo do ministério. Félix vai substituir Paulo Pedrosa, que deixou o cargo junto com Fernando Coelho Filho na semana passada.

O ministério tem neste ano, entre suas principais atribuições, conduzir a privatização da Eletrobras, que enfrenta resistências no Congresso.

As mudanças na equipe técnica da pasta fizeram as ações da estatal despencarem na sexta-feira, com perdas que chegaram a superar 10%. No pregão desta segunda-feira, as ações ordinárias da companhia caíram 9,56% e as ações preferenciais, 6,74%.

Além de Pedrosa, o presidente da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), Luiz Augusto Barroso, também entregou o cargo. Coelho Filho deixou o comando da pasta para disputar eleições em Pernambuco.

A escolha de Márcio Félix para a secretaria-executiva faz parte da intenção do governo de demonstrar continuidade no trabalho do Ministério de Minas e Energia. Moreira tomará posse nesta terça-feira.

Félix é funcionário de carreira da Petrobras e, antes de ir para o ministério, atuava como gerente-geral de América do Norte e África na Exploração e Produção Internacional. Ele também atuou em governos do Espírito Santo, onde foi secretário do Desenvolvimento.

Geralda Doca e Manoel Ventura

Fonte: O Globo Online